Olho atentamente para o meu Senhor!

#Devocional N°58

Salmos 123.2 – “Como os olhos dos servos estão atentos às mãos dos seus senhores, e os olhos da serva, à mão de sua senhora, assim os nossos olhos estão atentos ao Senhor , nosso Deus, até que tenha compaixão de nós.”

Quando um viciado deixaria as drogas? E quando um adúltero abandonaria as traições? E quando alguém deixaria a prática homossexual? E quando um mentiroso se afastaria da mentira? E quando um filho passaria a honrar aos pais? Quando deixar de honrar e temer os seus pecados. Nossas motivações são escravas daquilo que honramos e tememos. Mas Pai, desde o dia em que me salvaste, meu maior medo é da tua mão, pois não tenho outro Senhor senão a Ti! Prefiro ser escravo da tua vontade do que dos meus pecados, deste mundo ou do Diabo! Por isso, essa pandemia não escravizará minha mente e coração. Meus medos não me dominarão. Em Ti confio! Jesus, tu morreste na cruz por mim para ser meu Senhor, dono da minha vida! Por isso, meus olhos estão atentos a Ti pela fé. Busco fugir do pecado e não olhar mais para ele, pois o salário dele é a morte, mas ser escravo da Tua vontade é viver de verdade e eternamente! Tu és Deus misericordioso e tem compaixão de mim, pobre pecador arrependido. Então, eu aguardo em Ti com confiança para sobreviver tanto nessa pandemia como fora dela. Pois, ainda que eu morra, eu viverei no último dia! Sim, ressuscitarei quando voltares! Viverei para sempre contigo, meu Senhor, meu Deus! Até lá continuarei com meus olhos atentos a Ti, honrarei e temerei a Ti mais do que aos meus pecados. Amém. 

Em Cristo e com amor,
Paulo Corrêa 

Comentários